Celebrar o amor

Todos os anos existe uma ideia consumista à volta do dia dos namorados. Corações, perfumes, produtos sem sentido, presentes onde se gastam alguns euros, mas que nada trazem de valor à relação, na maioria dos casos. O amor deve ser celebrado todos os dias ou, pelo menos, relembrado. Mas é bom que exista um dia no nosso calendário anual que nos faça pensar na pessoa com quem partilhamos a vida, os sentimentos, o nosso dia a dia. Nesse sentido, este dia, é de facto para darmos mais valor a quem temos ao nosso lado. Longe das ideias consumistas e dos presentes “vazios” de sentimentos só porque sim, queremos partilhar convosco aqueles presentes que vão acrescentar memórias à vossa vida a dois:

Deixem os vossos filhos com outros familiares, saiam mais cedo do trabalho, percam algum tempo a escolher uma roupa que saibam que o outro gosta de vos ver, um bocadinho de maquilhagem, mais atenção aos pormenores, e levem a vossa cara metade a jantar fora. Podem espreitar as nossas sugestões, neste artigo, onde falamos de jantares especiais. Um jantar a dois, longe das birras dos mais pequenos, da azáfama dos banhos ou simplesmente dos emails de trabalho. Deixem os telemóveis em casa ou coloquem no modo silêncio. Partilhem uma óptima experiência gastronómica, degustem a comida com gosto, experimentem um bom vinho e falem. Com calma. Sem pressa. Recordem momentos passados, façam um simples “jogo” em que cada um refere os melhores momentos que passaram. Relembrem um ao outro o que vos levou a apaixonarem-se e chegarem onde estão hoje. Digam, olhos nos olhos, o que mais gostam na outra pessoa.

Surpreendam quem está convosco com um fim de semana fora. Reservem uma noite num hotel bonito, combinem tudo com a vossa família para o caso de ser preciso deixar os filhos. Os avós adoram ter os netos só para eles alguns dias, os netos adoram estar com os avós e ter todas as vontades feitas. Reforça a relação entre eles e permite-vos reforçarem a vossa relação, que na verdade é a base da vossa família. Estas são algumas das possibilidades de sítios onde ficar, que nos marcaram muito positivamente.

Criar memórias e expô-las na vossa casa é uma óptima ideia. Marquem uma sessão fotográfica num jardim bonito, divirtam-se a dois, com os vossos cães e com os vossos filhos. Vistam-se de acordo com a ocasião, simples, mas com um toque irreverente. Os miúdos com padrões iguais, apontamentos que ficam giríssimos nas fotografias. Existem fotógrafas fantásticas que podem contactar, como a Carmo, a Catarina, a Mafalda ou a Teresa. De certeza que vai ser uma manhã ou tarde inesquecível.

Peçam uma ilustração personalizada. Na Catita Illustrations têm várias à escolha e são todas maravilhosas. Uma t-shirt para usarem os dois nas próximas férias, um poster para dar vida à parede vazia da sala. Ficam com uma recordação do dia que pode trazer valor ao vosso espaço ou roupeiro. Porque não pedir para toda a família e depois marcar a sessão fotográfica? Fica a dica!

Ou então, sentem-se os dois bem aninhados no sofá, longe da confusão do dia, com um chá quente, um bom filme romântico e desfrutem destes chocolates. Imensos sabores, todos deliciosos. Experimentem um bocadinho de cada um, façam um jogo de “cabra cega” e com os olhos vendados tentem adivinhar qual é o sabor do próximo pedaço (de certeza que se vão rir com gosto no meio desta experiência). Façam-no de forma mindfulness. Saboreiem cada pedaço sem distrações e tecnologia. Ou revejam o vosso vídeo do casamento, antigos álbuns de fotografias. Momentos bons e reconfortantes.

Acima de tudo olhem um para o outro neste dia especial. Digam “gosto de ti”, “amo-te”, “adoro-te”. Façam pequenos gestos de amor. Um bilhete no bolso, uma mensagem durante o dia. Abracem-se. Não tenham medo de mostrar o que sentem, são estes momentos que fortalecem o amor entre os dois.

 

 

Photo 1 by Mahkeo on Unsplash
Photo 2 by Pablo Heimplatz on Unsplash

 

Escrito por: Joana

Joana. Casada com o João. Mãe do Sebastião. Mãe emprestada de uma Teckel, a Sushi, e de um gato rafeirão, o Tozé. Vive em frente ao mar e adora o campo. Quer alcançar o significado da palavra devagar. Viver devagar, saborear cada segundo e cada detalhe. Ler mais.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *